Mostrar mensagens com a etiqueta Culinária. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta Culinária. Mostrar todas as mensagens

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

Bolo Gelado de Coco Low Carb.

Olá!

Meninas, quem ai já tinha saudades de receitinhas aqui no blog, levanta a mão? Euuuuuuuu, tinha muitas saudades de partilhar receitinhas feitas por mim, vocês sabem que eu amo cozinhar e quando faço uma receita nova gosto de vim aqui partilhar, afinal tudo que é bom a gente compartilha com as amigas, né não?! 
Pois bem, e hoje é um bolo de coco gelado low carb que testei ontem. Vejam! *.*


































Ingredientes:

2 xícaras de farinha de amêndoas;
1 xícara de coco ralado;
1 xícara de adoçante xylitol (eu usei açúcar de coco);
1 xícara de leite de coco;
1/2 de xícara de óleo de coco (derretido);
1 colher de chá de extrato de baunilha;
4 ovos;
1 colher de sopa de fermento para bolo.








































Modo de preparo: Em uma vasilha misture todos os ingredientes e deixe o fermento por último. Coloque a mistura em uma forma untada e leve ao forno pré aquecido por 40 minutos (dependendo do forno, façam sempre o teste do palito).
Retire do forno e espere esfriar, se gostar dele molhadinho regue com leite de coco e adoçante (eu usei duas colheres de café de açúcar de coco.

Fiz a farinha de amêndoas em casa, comprei com pele mesmo e triturei 200 gramas no liquidificar e deu essa xícara cheia.


E está prontinho para servir... Hummm...




O que fiz de diferente, além de ter usado o açúcar de coco no lugar do xylitol, usei coco fresco e fiz a farinha de amêndoas em casa (fica mais "barata"...kkk...), também usei como medida essa xícara, então fiz a receita pela metade, mas olha que rendeu essa forma média.


A receita eu vi no instastorie da Ariane Cânovas e a receita é da Receitas Fit e Low Carb.


Eu gostei bastante, achei também que sobressai bastante o saber das amendôas, apesar de ter usado bastante ingredientes de coco e ter usado coco fresco. Ah, outro detalhe, não usei o extrato de baunilha porque não achei para comprar, deve ser por isso, penso eu.


Espero que tenham gostado!

Tenham um lindo e abençoado final de semana docinho, docinho... e saudável é ainda melhor, né não?!


Bjinhos meus amores *.*

sábado, 17 de fevereiro de 2018

"Revolta" Hamburgueria em Aveiro.

Olá!

Meninas, ontem fui conhecer a Revolta Hamburgueria e Cervejaria Artesanal em Aveiro, e vim compartilhar convosco. Vejam! *.*



A minha escolha foi o hambúrguer revoltado (que é o hambúrguer da casa), acompanhado com batata doce e um molho tártaro que vou te contar... Q-U-E  D-E-L-Í-C-I-A!!! E suco de maracujá (que aqui eles chamam de limonada de maracujá).
Ah, não podendo esquecer das entradas que foram bolinhos de frango com chili, são muito bons também, tanto que pedimos duas vezes (a foto está no final do post).







Bolinhas de frango com chili.
É uma espécie de agridoce meio apimentado...


O ambiente tem uma decoração estilosa e bem legal, é bem "lotado" também, o que exige ligar e reservar, quando chegamos damos o nosso nome e somos levados a nossa mesa, onde encontramos uma simples recepção com o nosso nome e com a #Revoltada, achei esse particular muito fofo, o atendimento também é excelente.

Fica abaixo a localização.

EndereçoPraça do Mercado, 3800-175 Aveiro
Horário
Aberto ⋅ Fecha à(s) 22:30
Telefone910 820 067 (Para a reserva).

* Copiei as informações do Google, qualquer alteração fica aqui a Fanpage do Facebook.


Espero que tenham gostado da dica, vocês sabem que amo hambúrguer artesanal, né não?!

Tenham um abençoado final de semana!

Bjinhos *.*

quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Rabanada fit na minha versão...

Olá!

Meninas, quem aí ama uma rabanada?
Eu amo, e ontem me deu uma vontade de comer, e foi aí que lembrei que tinha uma receita na versão mais saudável que fiz no início do meu processo de emagrecimento em 2014, então fui pesquisar no meu blog e achei aqui, corri para colocar em prática e venho compartilhar convosco novamente, pois o final de ano se aproxima e nada melhor que fazer em uma versão mais saudável, né não?
 Vejam *.*!


Ingredientes:
1 ovo;
½ xícara de suco de abacaxi sem açúcar;
2 colheres (sopa) de açúcar mascavo;
½ colher (chá) de canela em pó;
8 fatias de pão integral tipo baguete;
2 colheres (sopa) de mel;
2 colheres (sopa) de coco ralado adoçado;
Oléo de coco para untar.
Modo de preparo:
Em uma tigela grande, bata o ovo, o suco de abacaxi, o açúcar e a canela, até formar uma mistura homogênea. Mergulhe as fatias de pão na mistura, envolvendo os dois lados, até ficarem encharcadas. Aqueça uma frigideira anti- aderente grande em fogo médio e unte com óleo de coco. Cozinhe as fatias de pão, aos poucos, por 2 minutos de cada lado, até ficarem douradas por completo.
Transfira as rabanadas para um prato, regue com o mel e salpique o coco por cima.
O meu modo de preparo:
A única coisa de diferente que fiz, foi usar pão de forma e com a ajuda de um copo moldei em formato de círculos, e sempre faço assada no forno usando papel vegetal ao invés de untar com óleo de coco ou fritar na frigideira, e polvilhei com canela também.
 




Gosto muito dessa versão, pois não sinto muita diferença da receita original, pois "engana" muito bem.

Quem mais ama rabanada?

Tenham um dia docinho, docinho... 
Bjinhos *.*

domingo, 12 de novembro de 2017

Receita: Bolo de skyr.

Olá!

Meninas, ontem estava com vontade de comer bolo de iogurte, então saiu um bolo de skyr fit (mostrei no instastorie, quem viu? @modadadani).

Vejam! *.*


O Skyr (pronúncia islandesa AFI: [scɪːr]) é um produto lácteo islandês semelhante ao iogurte. É feito de leite fermentado, com ajuda das bactériasStreptococcus thermophilus e Lactobacillus bulgaricus, até ter uma forma final de líquido grosso, rico em proteína e com pouco teor de gordura. Faz parte da culinária típica da Islândia desde a Idade Média.


Fonte: Wikipédia.















Ingredientes:

1 pote de 130 gramas de skyr (usei o de frutos vermelhos);

130 gramas de farinha de aveia;

130 gramas de flocos de aveia;

1 colher de sopa de óleo de coco;

1 ovo;

1 colher de chá de fermento em pó.


Modo de preparo: Bater todos os ingredientes no liquidificador até formar uma massa homogênea (bata o fermento em pó por último), depois coloque a massa em uma forma untada e leve ao forno pré- aquecido 180 graus de 30 á 35 minutos dependendo do forno.

Antes de ir ao forno...















E está prontinho para servir... 















A calda que parece uma geléia, foi feita com:

1 xícara de frutas silvestres congeladas;
1 xícara de água;
1 colher bem generosa de mel.

Modo de Preparo: Coloquei em uma frigideira e deixei ferver até ficar na consistência de uma geléia.
















Espero que tenham gostado!


E tenham um doce domingo!

Bjinhos *.*

sábado, 16 de setembro de 2017

Dica de lugar: Culpa da Vontade Hambúrguer Artesanal.

Olá!

Meninas, e o post de hoje é uma dica de lugar que assim como eu, ama hambúrguer artesanal.
Pois bem, a Culpa da Vontade é um lugar pequeno, charmoso, aconchegante, com detalhes fofos, e hambúrgueres deliciosos..., tudo feito artesanalmente e bem na nossa frente. 
Vejam alguns detalhes! *.* 









Com 160g de carne de vaca, queijo cheddar, cebola confitada, bacon, compota de tomate picante, alface e tomate, nasce o hambúrguer MANHOSO.
E claro, acompanhado de umas batatinhas estaladiças e molho.





Viram que fofura de lugar?
Como citei acima, é um lugar pequeno, que as vezes temos que esperar alguns minutos como algumas horas, mas vale cada minuto a espera, afinal os hambúrgueres, o sumo/ suco de limão com hortelã, as batatinhas estaladiças e o molho que acompanha as batatas, são deliciosos...! 
Nesse dia ficamos 30 minutos a espera, e como estava quase na hora de fechar, consegui tirar as fotos com o espaço vazio (coisa rara *.*)!

Para quem está vindo para Portugal especificamente para a Aveiro ou para quem já está cá, fica abaixo a localização, vale mesmo a pena.

Culpa da Vontade.

Rua: Bento Moura, nº 9 loja 201.
Esgueira- Aveiro.

Horário de funcionamento:

De terça-feira a quinta-feira-  12:00 às 15:00 e das 19:00 às 22:00.
Sexta-feira e sábado- 12:00 às 15:00 e das 19:00 às 23:00.

Domingo e segunda-feira- FECHADO.


Espero que tenham gostado da dica de hoje!

Tenham um abençoado final de semana... Bjinhos *.*

sábado, 2 de setembro de 2017

Quiche Saudável de Grão de Bico.

Olá!

Meninas, e hoje venho compartilhar uma receita saudável de um quiche com base de grão de bico.
Vejam! *.*


Ingredientes:

500 gramas de grão de bico cozido;
175 ml de clara de ovo líquida;
1 colher de creme cheese sem lactose;
Queijo ralado a gosto;
Recheio a gosto (eu fiz de atum, ervilha, milho e cenoura);
Orégano a gosto.

Modo de preparo:

Amasse o grão de bico já cozido com um garfo até ficar em consistência de uma massa (eu acrescentei um fio de azeite e temperos na massa, mas é opcional), depois em uma forma com fundo removível envolva a massa.
Depois bata a clara de ovo líquida em neve (castelo), coloque o creme cheese e bata até envolver (coloquei uma pitada de sal).
Agora é hora de montar o quiche, então pegue a massa já envolvida na forma, coloque o recheio, e por cima coloque a clara já batida, depois o queijo ralado, o orégano e leve ao forno pré-aquecido 180 graus por 35 a 40 minutos dependendo do forno.

E está prontinho para servir! Hummm...






Viram como é simples?!


Espero que tenham gostado!

Tenham um maravilhoso e abençoado final de semana... Bjinhos *.*

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Casa Portuguesa do Pastel de Bacalhau no Porto.

Olá!

Meninas, e hoje venho compartilhar um pouquinho da minha ida na Casa Portuguesa do Pastel de Bacalhau no Porto. Vejam!*.*


Um pouquinho da história...


A terra e o mar.
As duas realidades mais antigas da nação portuguesa.
O nosso mar, para onde se virou Portugal desde o século XV, forjando um império que foi o mais duradouro na História.
Do mar veio o bacalhau, desde cedo pescado numa faina dura em mares longínquos por navegantes portugueses, que aliás lhe chamavam a Faina Maior.
Da terra veio o Queijo Serra da Estrela, por muitos considerado o melhor queijo do mundo.
A Casa Portuguesa do Pastel de Bacalhau visa unir estas duas tradições históricas nacionais: a terra e o mar. Mas visa também unir estas outras duas tradições gastronómicas: o pastel de bacalhau e o queijo Serra da Estrela.
Das raízes do nosso passado, trazemos assim os sabores e as memórias que constroem o nosso presente: Pastel de Bacalhau com Queijo Serra da Estrela.
Esta é a nossa tradição, este é o nosso património e este é o nosso futuro: sermos hoje o que outrora fomos. “É a voz da terra ansiando pelo mar”, como dizia Fernando Pessoa.


A minha experiência...















Detalhes da entrada...



















Quando entramos logo a nossa direita, avistamos esse cantinho onde é feito os pastéis de bacalhau, fica mesmo aos olhos nus...















Logo ao lado temos o balcão onde fica os assistentes com os pastéis já prontos para servir...

















Depois de pagar, pegamos os pedidos e temos a opção de escolher onde queremos comer e temos a opção de: comer lá fora ao ar livre, ou nas duas salas que estão disponíveis nos andares de cima. E esses são alguns detalhes do primeiro andar que foi a minha escolha...



















Provei as duas opções: O tradicional e o com queijo da Serra da Estrela...



















Depois que comi, subi no terceiro andar, onde avistei essa sala, que além de linda e luxuosa, tem uma bibliteca...















Uma pausa para a foto...kkkk...


Quando subimos no terceiro andar tem a história da Torre dos Clérigos (que fica bem próxima) na parede na entrada da sala.



















A experiência foi incrível..., um lugar lindo, moderno, chique, luxuoso e ao mesmo tempo com a simplicidade e a tradição dos ingredientes e de história, a começar pela confecção dos pastéis, que é feita de forma tradicional e manual perante aos nossos olhos.
Vale a pena a visita para quem está ou vem para Portugal.

E tem duas Casas, em Lisboa e no Porto, fica aqui abaixo as localizações.

Rua: Augusta, 106- Lisboa.

Rua: Campo dos Mártires da Pátria, 108- Porto (bem próxima a Torre dos Clérigos).

Ah, outro detalhe.

Os pastéis custam 4,00 € cada.
Bebidas são em média 3,00 €.
Foi sugerido um cálix de vinho do Porto que vem em uma pequena prancha que podemos trazer para casa, por 5,00 € (o cálix de vinho e a prancha).
Apesar dos preços serem um bocadinho elevados em comparações com os tradicionais, vale a pena a visita, pois os pastéis são deliciosos e o tamanho também é bem maior que os convencionais.
GOSTEI MUITO MAIS COM O SABOR DE QUEIJO DA SERRA DA ESTRELA, como foi sugerido por um dos muitos funcionários da casa, mas mesmo assim quis provar o tradicional sem queijo.

E está no meu canal no youtube um mini vlog, é só clicar aqui.

Tenham uma linda e abençoada semana!

Bjinhos *.*